A Quinta

No coração da Lezíria, no Equestre Concelho da Golegã, a Quinta dos Álamos, honra a sua história e tradição, de mais de Três Séculos recebendo os visitantes como anfitrião de mérito reconhecido.

Uma das Três grandes referências agro-pecuárias do Concelho, A Quinta dos Álamos oferece aos seus convidados o peso da história, o respeito pelo ambiente e a actividade cultural e artística, génese da sua fundação.

Neste lugar de gente Brava, o visitante poderá usufruir da experiência geracional das gentes dedicadas á Terra, respeitadora dos costumes e da preservação do ambiente.

Actividades enriquecedoras que mostrarão que a ecologia é também um conceito Português, passado de geração em geração, revelando o respeito ancestral que temos por essa Mãe, que tudo dá, que tudo tem, que tudo reclama. E que Nós na Quinta dos Álamos, honramos a cada dia.

Estes são alguns dos valores que mantemos e que queremos partilhar.

Esperamos por Vós.

 

Cronologia

1525-1536 – Doação - D. Sebastião doou ao seu Aio D. Aleixo de Meneses, como forma de demonstração de gratidão pelos cuidados prestados.

21 de Agosto de 1801 - Foral e Carta de Posse – D. Brás José Baltazar da Piedade da Silveira, 9º Marquês das Minas, torna-se proprietário, com administração do Conde de São Tiago, Dom Nuno Aleixo da Silva.

29 de Setembro 1819 até 1823 (durante 4 anos) - Arrendamento - Esteve arrendada Sr. Rafael José da Cunha pelo administrador da casa Dom Nuno Maria José Baltazar da Piedade da Silveira.

1856 – Herança – D. Pedro, herda por morte de seu pai D. Braz.

1867 - Herança – Mãe de D. Pedro, D. Eugénia de Sousa Holstein (Marquesa de Minas), herda por morte de seu filho.

8 de Março 1871 - Venda – D. Eugénia de Sousa Holstein, Marquesa de Minas, viúva, vende a Frederico Tavares Bonacho (cunhado de Gaspar Gomes dos Anjos decorador da corte de D. Maria e cofundador da Escola de Belas Artes de Lisboa) que faz a Reconstrução do Palácio

28 de Março de 1910 - Herança – Frederico Bonacho dos Anjos (fotografo), sobrinho de Frederico Tavares Bonacho (solteiro), herdou do seu tio.

24 de Abril de 1964 - Herança – Gaspar Bonacho dos Anjos, herda de seu pai Frederico Bonacho dos Anjos.

1970 - Venda – Gaspar Bonacho dos Anjos vende a Sommeran (Fernando Sommer de Andrade).

28 de Abril de 1980 - Venda – Sommeran vende a Irmãos Mota Lda. Actuais donos.